Políticas de Educação

No Comments

Políticas de Educação e demora do Desenvolvimento Social Sustentável.2        [2  >  Situação Sustentável e Responsabilidade – Referências Bibliográficas]

Uma ocupação com produtividade suficiente para gerar uma renda que financie um bem-estar eticamente aceitável requer educação em conhecimentos, habilidades e comportamentos.  Ocupação e educação conjuntamente formam a base da superação da pobreza hereditária e da motivação para uma continuação de desenvolvimento pessoal.  Induz-se daí, que na Situação Sustentável deverá haver uma educação mínima na base da pirâmide social.  Este nível de educação permitirá o exercício da cidadania aos cidadãos nas condições mais modestas.  Conclui-se que os Projetos para o Desenvolvimento Sustentável, promovidos pela Política com objetivos ambientais e de ocupação, deverão incluir a execução de Políticas de Educação.

Realmente a instituição do Ensino Fundamental hoje existe em praticamente todas as sociedades, embora muitas vezes ainda deficiente em países não considerados desenvolvidos.

Mesmo desconsiderando adaptações culturais, que não cabem nestas considerações, é preciso contar com que a consolidação de uma produtividade adequada na base da pirâmide social é um processo demorado que atravessará no mínimo duas gerações, ou 20 anos, caso for um objetivo de Políticas de Educação.

Uma premissa para alcançar, e depois para manter uma Situação Sustentável é a ação de uma liderança.  Esta liderança só pode ser exercida por Cidadãos por Responsabilidade.  Por isso o tema da Responsabilidade precisa ser incluído nos currículos escolares, justamente para favorecer a formação de cidadãos com consciência de responsabilidade.  Precisam ser focalizadas as três dimensões – ambiental, social e econômica – do desenvolvimento para a realização da Situação Sustentável.  As percepções sedimentadas na sociedade são determinantes para as atitudes e ações na gestão da produção e no plano da política e da política econômica.  Cabe salientar que Responsabilidade não é um conceito vinculado a religiões, nem é ideológico.

Na dimensão ambiental já se sedimentaram consensos supranacionais, embora as ações estejam restritas aos âmbitos nacionais e ainda enfrentem oposições de interesses econômicos conservadores.  As sociedades já criaram instituições encarregadas do Meio Ambiente e os cuidados com o Meio Ambiente estão presentes nos currículos escolares e na formação superior.  Constituíram-se Partidos Verdes.  ONGs se dedicam ao Meio Ambiente e à Educação Ambiental.

Na dimensão social tanto as percepções de Responsabilidade pela base da pirâmide global, como uma base conceitual estão menos desenvolvidas.  Não existe um conceito de “ocupação adequada”.  O número de muito pobres ou miseráveis numa população global de 7 bilhões de seres humanos é estimada em 900 milhões.  A incorporação destes 12% da população global numa economia sustentável é a dimensão do problema do Desenvolvimento Social Sustentável.  Pelo fato de depender de rupturas culturais mais severas que o Desenvolvimento Ambiental Sustentável deverá ser o processo que vai requerer mais tempo.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *